domingo, 4 de outubro de 2009

A Ciência contra o desperdício: o efeito Joule e a Eficiência Energética.

Toda vez que um condutor elétrico é aquecido devido a passagem de uma corrente elétrica, significa que parte da energia elétrica está sendo convertida em energia térmica (calor). Esse fenômeno é conhecido na Física como Efeito Joule.

O efeito Joule ocorre devido a resistência elétrica que todo condutor impõe à passagem de um fluxo de cargas (corrente elétrica), quando submetido a uma tensão elétrica (voltagem).

O efeito Joule pode ser entendido como o resultado da colisão entre os elétrons e os átomos da estrutura do material condutor.

Entre as inúmeras recomendações dadas por especialistas e divulgada pela mídia para a economia de energia elétrica em uma residência, temos:
  • Acumule uma quantidade de roupa para ser passada a ferro elétrico de uma só vez.
  • Evite o uso de tomadas múltiplas para ligar vários aparelhos simultaneamente.
  • Utilize, na instalação elétrica, fios de diâmetros recomendados às suas finalidades.
A característica comum de todas essas recomendações é a proposta de economizar energia através da tentativa de, no dia-a-dia, reduzir o consumo de energia elétrica convertida em energia térmica (calor). Este é o principal conceito por trás da Eficiência Energética.

A dica é: siga as recomendações do texto e preste atenção ao modo de usar equipamentos elétricos, para minimizar as perdas de energia provocadas pelo efeito Joule.

Gostou? Não gostou? Quer outra dica? Comente o post abaixo.
O blog é atualizado aos domingos.

2 comentários:

  1. Gostaria de informações sobre o efeito Joule indesejado (aquecimento de cabos e condutores) e suas consequências na conta de luz.

    ResponderExcluir
  2. Gostei, vc explicou física na prática.
    Esse princípio relacionado ao efeito joule eh muito importante para economizar e tambem para efeiciencia energetica importante para motores elétricos.

    ResponderExcluir